Skip to main content

Como medir sua estratégia de employer branding para desenvolvedores

Desenvolvedores já deixaram bem claro que o employer branding importa para eles. Mas o que é isso? O conceito ainda é pouco difundido no Brasil. Ele diz respeito ao processo de promoção da imagem de uma empresa, quando a organização é tida como referência quando o assunto é um bom lugar para se trabalhar. Em tradução para o português, a expressão vira “marca empregadora”.

Com base nisso, para ganhar destaque na concorrência, os empregadores passaram a pensar mais como marketeiros. Mas mesmo se você já estiver voltando seus esforços e potencial criativo para o employer branding da sua empresa, existe uma pergunta que você precisa saber responder: a sua estratégia está funcionando?

Essa pergunta pode te levar a se perguntar como medir a marca empregadora da sua empresa. Se você se comprometer a se guiar pelas métricas apresentadas a seguir, você vai se colocar numa posição de maior força para alcançar suas metas de recrutamento deste ano (e dos anos seguintes)!

Taxa de retenção de desenvolvedores

Volte para quando você estava recrutando os seus desenvolvedores atuais. Você provavelmente contou pra eles sobre o seu incrível ambiente de trabalho, a cultura da sua empresa e os benefícios que você oferecia. Se isso for verdade, esse foi um bom começo. E claramente desempenhou um papel relevante em convencê-los a entrar para o time.

Mas é importante lembrar que a sua marca empregadora deve ir muito além de um pitch de recrutamento.

É uma promessa que você faz para funcionários potenciais e atuais da empresa. Se você não está cumprindo com essa promessa, vai acabar sofrendo para atrair e manter os seus talentos tech. Na verdade, taxas de retenção decrescentes podem ser um sinal de que a sua marca empregadora não está alinhada com a experiência dos desenvolvedores da sua empresa.

Não tem certeza se a sua marca empregadora está correspondendo às expectativas dos seus desenvolvedores? Comece calculando a taxa de rotatividade de todos os anos da sua empresa. Em seguida, a compare com os últimos 6 a 12 meses. Se as médias recentes forem maiores que a sua média geral, peça um feedback aos seus desenvolvedores sobre como você pode melhorar a experiência deles no trabalho.

Engajamento dos Funcionários

Há não muito tempo atrás, Josh Bersin disse que o engajamento dos funcionários é fundamental para a sua marca empregadora. “As pessoas vão pra casa todas as noites, conversam com seus maridos e esposas, amigos e familiares e dizem coisas boas sobre a empresa”, ele adicionou. “Se eles não estão felizes, isso também se espalha por aí”.

Claro, isso significa que seus desenvolvedores estão felizes, esses sentimentos positivos irão melhorar a sua reputação na comunidade de desenvolvedores. Assim como é importante medir indicadores-chave de performance, também é importante se atentar ao nível de engajamento do seu time.

Como você pode medir o nível de engajamento do seu time? Pergunte pra eles! Você pode enviar um e-mail geral, mas se tiver a oportunidade, converse com eles um a um.

Para te ajudar a começar, independente do que você escolher, aqui estão algumas questões interessantes a serem feitas com base no que aprendemos no 2017 Developer Hiring Survey:

  • Você sente que possui oportunidades de desenvolvimento e crescimento profissional?
  • Você sente que é compensado de maneira justa pelo seu trabalho?
  • Como você se sente em relação à maneira como os projetos são geridos pelo time?
  • A sua experiência está alinhada com a sua impressão inicial da vaga?

Custo Por Contratação

Em 2012, a Society of Human Resource Management and the American National Standards Institute criou a seguinte fórmula para calcular os custos por contratação:

Custo por Contratação = (Custos Internos de Recrutamento + Custos Externos de Recrutamento) / Número Total de Contratações

Superficialmente, isso parece até ser meio objetivo demais. Mas para entender melhor como isso está afetando as suas estratégias de employer branding para desenvolvedores, olhe mais de perto para os seus custos de contratação externos. Quanto você gasta em listagens de vagas antes de fazer uma contratação, geralmente? A quantos eventos você vai por ano? Quanto custa para divulgar sua marca empregadora nas plataformas que você está utilizando atualmente?

Se o valor total que você gastou em custos de recrutamento externo esse ano parecer alto, preste mais atenção em onde você está utilizando esses recursos. Se você não está focando em plataformas que os desenvolvedores realmente utilizam, você provavelmente está perdendo dinheiro em plataformas que não estão beneficiando a sua marca empregadora.

Além disso, criamos um outro conteúdo sensacional com diversas dicas para te ajudar a recrutar o programador certo para o seu time de tecnologia.


Contrate os Melhores desenvolvedores na GeekHunter

Esse conteúdo foi traduzido e adaptado pela GeekHunter.
Conteúdo Original: https://www.stackoverflowbusiness.com/blog/how-to-measure-your-employer-branding-strategy-for-developers
Tradução: Cecilia Schmitz

Veja também

Comentários

comentários

Cancelar