Como se preparar para entrevistas com empresas americanas?

Você atualizou seu currículo em inglês, se candidatou naquela vaga internacional que você adorou e foi aprovado para a primeira etapa! Muito bem! Mas e agora?

Para muitos profissionais de tecnologia, como desenvolvedores e cientistas de dados, conseguir seu primeiro emprego em uma empresa estrangeira (ainda mais pagando em dólar ou euro) é um grande desafio e um dos principais objetivos de suas carreiras! Não só por motivos financeiros como também pessoais.

Sabemos que processos seletivos podem ser desgastantes fisica e mentalmente, e essa característica pode ser ainda mais forte quando falamos de vagas internacionais para trabalhos que pagam bem e em uma língua estrangeira.

Hoje trouxemos algumas dicas e informações sobre o que você deve se atentar em entrevistas com empresas americanas em parceria com a Hired!

Conheça e se prepare com o método STAR ⭐

É muito importante conhecer e praticar métodos de entrevista para se sair bem nesse momento estratégico!

As empresas americanas utilizam método STAR, que é a entrevista por competências aqui no Brasil. Ela ajuda a responder de maneira mais concisa perguntas pessoais clássicas do tipo “Me conte um momento em que você…”, “Compartilha um exemplo de quando…”.

O nome é uma sigla para cada um dos critérios do método: ele consiste em informar sobre a situação inicial (Situation), a tarefa em questão (Task), a ação que você tomou para resolver e porque você a escolheu (Action), assim como o resultado dessa ação (Result).

Esse método não se aplica só a entrevistas e pode ser usado também no LinkedIn (na descrição das suas experiências) para demonstrar mais claramente o seu histórico de trabalho.

Realmente indicamos muito que você estude mais sobre esse método e aplique nas suas entrevistas a partir de agora!

Caso queiram ler mais sobre o assunto, dá uma olhada nesse artigo aqui.

Se prepare para perguntas bem técnicas 💻

A empresas americanas tendem a ser bem exigentes quanto a aspectos técnicos.

Na entrevista técnica, a empresa vai focar em conhecimentos bem aprofundados e em fundamentos técnicos, muitas coisas estudadas na faculdade, por exemplo.

Empresas mais exigentes vão fazer entrevistas focando em arquitetura de software também.

Claro que isso será conforme a linguagem da vaga que você está aplicando, por isso é importante dominar de verdade a ferramenta antes de se aventurar no mercado internacional!

Veja mais essas de como gabaritar nas entrevistas de emprego!

Pair Coding + Desafios Práticos 🤝

Essa dica vai de encontro com o que falamos sobre entrevistas mais técnicas!

Muitas empresas americanas também gostam de fazer pair coding (ou pair programming) nas entrevistas técnicas, compartilhando um whiteboard para o candidato responder e exemplificar na tela como resolveria determinada situação!

É comum empresas usarem programas como Codility, TestGorilla e Toggl para executar esses testes, seja ele ao vivo ou para você fazer e entregar depois até uma certa data. Recomendamos que você se familiarize com eles.

Mostre interesse e pergunte sobre a empresa, negócio e cultura! 😄

Mostre que você está interessado na empresa e fez o dever de casa: pesquisou, ficou com dúvidas, quer saber mais!

É comum ficar com vergonha na primeira entrevista direta com a empresa, mas não se preocupe! A maioria das empresas esperam que os candidatos levem perguntas sobre a empresa, cultura, business e sobre o time de programação.

Quanto mais perguntas aprofundadas uma pessoa desenvolvedora faz, mais eles vão valorizar as soft skills e sua curiosidade! Além disso, você engaja a empresa e mostra que você valoriza outros aspectos do trabalho além das suas tarefas rotineiras.

Saiba desde já como Negociar seu Salário de Programador na entrevista!

Perguntas pessoais sobre carreira 🙋‍♀️

Essas perguntas também aparecem muito em entrevistas aqui no Brasil.

O gestor da vaga vai tentar entender as movimentações da sua carreira, porque saiu de cada empresa e o que motivou você a trocar de emprego!

O objetivo é entender melhor como você é como pessoa e como trabalhador: o que te motiva a escolher uma empresa, a sair e a continuar, assim como…

É essencial que você seja sincero com suas respostas, mesmo que não seja exatamente o que o gestor da vaga e a empresa procuram. Assim, a chance de ambas as partes se frustrarem mais para frente diminui consideravelmente.

Em resumo

Se preparar para entrevistas com empresas do exterior pode ser um processo difícil, mas não é nenhum “bicho de sete cabeças”.

Um dos primeiros passos é aprender, praticar e usar rotineiramente métodos de resposta para perguntas subjetivas, como o STAR.

Prepare-se para pesquisas de caráter bem técnicos e desafios práticos: esses são os queridinhos de empresas americanas! Também busque saber bastante sobre a empresa, o produto/serviço que ela oferece e os membros da sua possível futura equipe.

Aproveite para saber como montar uma Carta de Apresentação perfeita como programador!

É isso!

Esperamos que vocês tenham aprendido com esse post como se preparar para entrevistas com empresas americanas e coloquem em prática nas vagas disponíveis na GeekHunter e na Hired, nossa parceira!

A GeekHunter é uma plataforma em que empresas convidam desenvolvedores para entrevistas, trazendo maior poder de decisão para os próprios programadores. Para se cadastrar na plataforma e ser chamado para as vagas nacionais, clique aqui.

Se você já é um dev experiente e com inglês avançado, dá uma olhada em nossas vagas internacionais e se aplique nelas clicando aqui.

Para aplicar em vagas internacionais na Hired, caso não tenha se cadastrado ainda, é só clicar aqui e finalizar seu registro.

Compartilhar
You May Also Like